CULTO ao VIVO : transmissão AMANHÃ às 19h

+55 (42) 3223-7870 Rua Ayrton Playsant 458 Centro, Ponta Grossa, Paraná, Brasil
ACESSO para LÍDERES

UMA NAÇÃO EM PERIGO

PDF Imprimir
Quebra gelo: Você já se sentiu em apuros diante de uma situação sem saber o que fazer?
 
Texto base:  2Crônicas 20.1-29
 
Introdução: O rei Josafá e o povo de Judá presenciaram um grande livramento da parte de Deus. Acontece que um enorme exército, formado por nações inimigas, marchou contra eles e era humanamente impossível vencê-los. Contudo, aquela ameaça se reverteu em bênçãos para eles. Vejamos algumas lições desse texto:
 
1 – O QUE FAZER QUANDO NÃO SE SABE O QUE FAZER? – v. 12
 
Muitas vezes somos surpreendidos por situações que não sabemos o que fazer, nem por onde começar. O rei Josafá declarou total dependência do Senhor ao dizer: “Pois não temos força para enfrentar esse exército imenso que vem nos atacar. Não sabemos o que fazer, mas os nossos olhos se voltam para ti”. Como resultado o Senhor Deus lhes enviou resposta e garantiu: “Não tenham medo nem fiquem desanimados por causa desse exército enorme. Pois a batalha não é de vocês, mas de Deus”. E o Senhor lhes deu a instrução da vitória. Quando não sabemos o que fazer, a primeira coisa a fazer é: se humilhar, orar e buscar a ajuda do Senhor. (Sl 121.1,2) – O que você tem feito quando não sabe o que fazer?
 
2 – JOSAFÁ BUSCOU AJUDA NO SENHOR   - v. 1 a 6
 
Na verdade, há momentos em que uma nação inteira se sente ameaçada e, todos, desde o rei ao mais humilde servo se veem em apuros. Não é errado sentir medo, errado é não confiar em Deus. Ele cuida do seu povo (Mt 6.26; Sl 37.18,19). Como filhos do Deus vivo, não podemos ser paralisados e vencidos pelo medo. Nossos medos, ao contrário, devem nos levar a buscar mais ao Senhor, e jamais fugir da batalha, como muitos fazem, abandonando o Senhor, a fé e a Igreja. Toda crise no leva a refletir, confessar, buscar ao Senhor e agir. (2Cr 7.14). Na hora da crise é necessário o ajuntamento das famílias, da igreja e das células em jejum e oração diante do Deus Todo Poderoso. A atitude Josafá foi consultar ao Senhor Deus, proclamar jejum, se humilhar e orar. Ele e todo o povo buscaram a Deus firmemente. Você tem orado pelo Brasil, pela igreja e pela família?
 
 3 – JOSAFÉ TROUXE À MEMÓRIA AS PROMESSAS DE DEUS – v. 7 a 13
 
A questão não era se Deus tinha se esquecido ou não das Suas palavras, porque isto é impossível (a única coisa de que Deus se esquece é dos nossos pecados confessados e arrependidos – Is 43.25; Hb 10.17). Confessar Suas promessas serve para lembrarmos que Ele tem compromisso conosco e é absolutamente fiel, o que nos fortalece na fé e na esperança. (Is 43.26). Você tem confessado as promessas de Deus na sua vida?
 
Conclusão – O rei Josafá buscou ao Senhor, obedeceu, adorou e contemplou a vitória. E o mais interessante foi que além deles não precisarem guerrear, eles ainda ficaram com a grande riqueza dos despojos (v. 23-25). Aqui cumpre mais uma promessa de que o Senhor trabalha a favor daqueles que nEle esperam (Is 64.4). Mesmo diante do perigo, do momento difícil, devemos buscar ao Senhor (Is 55,6) e entregar tudo a Ele. Confiar que Ele nos ama e o mais Ele tudo fará (Sl 37.5, Rm 8.28). Você tem buscado ao

Avisos – 08/06 Enc de Casais – 15/06 Enc Teen – 29/06 Enc Homens - 06/07 Em Mulheres - www.igrejadoavivamento.com.br -