CULTO ao VIVO : transmissão em 25.11

+55 (42) 3223-7870 Rua Ayrton Playsant 458 Centro, Ponta Grossa, Paraná, Brasil
ACESSO para LÍDERES

A SANTIFICAÇÃO E A VOLTA DE CRISTO

PDF Imprimir
Quebra gelo:   Se Jesus voltasse hoje, você seria arrebatado? Você está preparado?
 
Texto base: 1Ts 4.1-8 e 4.16-17 – Ap 19.7-9
 
Introdução: A cada dia que passa ficamos mais próximos à volta de Cristo. Os sinais evidenciam que estamos nos últimos dias da Igreja de Cristo de na terra. Cremos que o Espirito Santo está preparando um povo, a Igreja Santa, para as bodas do Cordeiro.
 
1) DEUS ESTÁ SEPARANDO UM POVO EM SANTIDADE
 
Deus sempre escolheu um povo para que fosse santo (separado). Ele deseja que sejamos santos e irrepreensíveis diante dele (Ef 1.4). Deus nos escolheu para a salvação mediante a santificação do Espírito (2Ts 2.13). Fomos predestinados para sermos conforme à imagem de Jesus Cristo (Rm 8.29). Quando um verdadeiro discípulo de Jesus peca, a sua consciência não o deixa em paz. Ele não consegue amar e viver na prática do pecado (1Jo 3.6). Ele vai agir como o filho pródigo: “Levantar-me-ei e irei ter com o meu Pai, e lhe direi: Pai. Pequei contra o céu e diante de ti” (Lc 15.18). Quem vive na prática do pecado, da corrupção, da imoralidade, da impiedade, e gosta disso, não pode dizer que é salvo, filho de Deus, por mais próspero que esteja financeiramente, ou envolvido nos trabalhos da igreja (Mt 7.21-23).
 
2)  O PODER DA SANTIFICAÇÃO PROVÉM DA NOSSA UNIÃO COM CRISTO
 
Ninguém é santo pela força de vontade, por mais que deseje. Não há poder em nós mesmo para mortificarmos as paixões carnais. Somente mediante a união com o Cristo crucificado e ressurreto é que teremos o poder necessário para dominar a velha natureza e nos revestimos da nova natureza, do novo homem, que é Cristo (Ef 4.20-24). A religiosidade não consegue obter o poder espiritual necessário para vencer os desejos da carne. O poder da ressurreição triunfa sobre o pecado e sobre a morte. Quando “sabemos” que fomos crucificados com Cristo (Rm 6.6), nós nos “consideramos” mortos para o pecado e vivos para Deus (Rm 6.11), não permitindo que o pecado “reine” sobre nós (Rm 6.12) e nem nos “oferecemos” a ele como escravos (Rm 6.13). Experimentamos a vitória sobre o pecado (Rm 6.14).  
 
2)  A NOIVA SE PREPARA PARA O NOIVO
 
O apóstolo Paulo se refere a esta noiva ao escrever: “Estou zeloso de vós com zelo de Deus; porque vos tenho preparado para vos apresentar como uma virgem pura a um marido, a saber, a Cristo” (2Co 11.2). Apocalipse também nos chama a atenção para o fato de a noiva já estar pronta, vestida de linho fino, puro e resplandecente (Ap 19.7-8). Os exércitos do céu, que seguem Jesus em cavalos brancos (simbolizando triunfo), estão “vestidos de linho fino, branco e puro” (Ap 19.14), identificando-os claramente com a Noiva do Cordeiro (a Igreja), que participará das Bodas do Cordeiro (Ap 19.6-9).
 
Conclusão – “A santidade é o lado visível da salvação” (Spurgeon). A santidade é o adorno da noiva de Cristo (Igreja). Jesus está voltando, como está a sua vida com Deus? Você está unido com Cristo? Você está de vestes brancas? (Ec 9.8; Ap 3.5-6). “Porquanto Deus não nos chamou para a impureza, e sim para a santificação. Assim sendo, quem rejeita a santificação não rejeita o homem, e sim a Deus, que também vos dá o seu Espírito Santo.” (1Ts 4.7-8)

Avisos – 31/08 Enc Mulheres – 07/09 Enc Casais – 14/09 Enc dos 120 – 21/09 Reencontro - 28/09 Enc Moças 
- ORAR NAS CÉLULAS PELAS NOSSAS ELEIÇÕES -
- www.igrejadoavivamento.com.br -