CULTO ao VIVO : transmissão em 16.12

+55 (42) 3223-7870 Rua Ayrton Playsant 458 Centro, Ponta Grossa, Paraná, Brasil
ACESSO para LÍDERES

O JULGAMENTO DOS DISCÍPULOS DE JESUS

Pr. Diojenes em 21.01.2018 às 15h00

Escrito por Pr. Diojenes   
21/01 | 17h | Pr. Diojenes | Texto base: At 4,5:22

O JULGAMENTO DOS DISCÍPULOS DE JESUS

Embasamento bíblico: Atos dos Apóstolos (Atos, capítulo 4, do versículo 5 ao 22) versão ACF

5. E aconteceu, no dia seguinte, reunirem-se em Jerusalém os seus principais, os anciãos, os escribas,

6. E Anás, o sumo sacerdote, e Caifás, e João, e Alexandre, e todos quantos havia da linhagem do sumo sacerdote.

7. E, pondo-os no meio, perguntaram: Com que poder ou em nome de quem fizestes isto?

8. Então Pedro, cheio do Espírito Santo, lhes disse: Principais do povo, e vós, anciãos de Israel,

9. Visto que hoje somos interrogados acerca do benefício feito a um homem enfermo, e do modo como foi curado,

10. Seja conhecido de vós todos, e de todo o povo de Israel, que em nome de Jesus Cristo, o Nazareno, aquele a quem vós crucificastes e a quem Deus ressuscitou dentre os mortos, em nome desse é que este está são diante de vós.

11. Ele é a pedra que foi rejeitada por vós, os edificadores, a qual foi posta por cabeça de esquina.

12. E em nenhum outro há salvação, porque também debaixo do céu nenhum outro nome há, dado entre os homens, pelo qual devamos ser salvos.

13. Então eles, vendo a ousadia de Pedro e João, e informados de que eram homens sem letras e indoutos, maravilharam-se e reconheceram que eles haviam estado com Jesus.

14. E, vendo estar com eles o homem que fora curado, nada tinham que dizer em contrário.

15. Todavia, mandando-os sair fora do conselho, conferenciaram entre si,

16. Dizendo: Que havemos de fazer a estes homens? porque a todos os que habitam em Jerusalém é manifesto que por eles foi feito um sinal notório, e não o podemos negar;

17. Mas, para que não se divulgue mais entre o povo, ameacemo-los para que não falem mais nesse nome a homem algum.

18. E, chamando-os, disseram-lhes que absolutamente não falassem, nem ensinassem, no nome de Jesus.

19. Respondendo, porém, Pedro e João, lhes disseram: Julgai vós se é justo, diante de Deus, ouvir-vos antes a vós do que a Deus;

20. Porque não podemos deixar de falar do que temos visto e ouvido.

21. Mas eles ainda os ameaçaram mais e, não achando motivo para os castigar, deixaram-nos ir, por causa do povo; porque todos glorificavam a Deus pelo que acontecera;

22. Pois tinha mais de quarenta anos o homem em quem se operara aquele milagre de saúde.


Clique aqui para fazer o download desta mensagem! Botão direito e "Salvar destino como..."

O JULGAMENTO DOS DISCÍPULOS DE JESUS